O Feminismo mudou o modo das pessoas pensarem? Se sim, em que velocidade?

Nos anos 30, Gabrielle Chanel já estava revolucionando o mundo com seus chapéus, calças femininas e bijouterias. Era uma nova mulher. Chamaram ela de revolucionária.

Mas na verdade o movimento feminista já dava seus ares desde antes ( E vou deixar de lado a Simone de Beauvoair por ela ser um caso atípico).    No século XIX haviam os movimentos em prol da educaçlão feminina, dos Direitos Trabalhistas (aqui no Brasil com Getúlio Vargas) e com o Sufrágio

Luta pelo Sufrágio Feminino, em 1912, EUA
Luta pelo Sufrágio Feminino, em 1912, EUA

E daí vieram os anos sessenta. O feminismo estava nas ruas, por todos os lados.
Pelo menos é assim que pensamos hoje em dia. Mas será mesmo? Vamos ver um trecho extraído do documentário “Eu Tarzan, Você Jane”, de 2006, exibido pelo GNT em 04/2008.

E 50 anos se passaram desde esses registros. Deixo a pergunta: Muita coisa mudou? Se sim, ONDE mudou? Será que o seu vizinho ainda pensa como ha 50 anos atrás?
Ou mais:  Não será que apenas o discurso é que mudou, mas os pensamentos ainda estão congelados no tempo?

Deixem suas opiniões nos comentários, é lá que esta matéria continua.

O que você acha disso?

comentários

Compartilha