Categoria: Mídia

Hilda, a Pin Up gorda que dominou nos EUA

Você vai conhecer agora uma das Pin Ups mais famosas do mundo, a ruiva tímida e desajeitada HILDA.  Ela era a concorrente direta de grandes divas como Marylin Monroe, com as singularidades da Hilda nunca ter existido de fato e de que ela é uma modelo Plus Size.29

Desde a década de 50 ela frequentou os calendários americanos e foi a punheta inspiração para muitos homens. Ela estava presente em caixas de fósforos, baralhos, os óculos que ela apareceu usando foram mal pirateados e vendidos com sucesso, um fenômeno. Mais de duzentos e cinquenta pinturas dela foram empilhadas e deu três metros de altura.

28
Esta é uma das pinturas favoritas do pintor

Hilda foi diferente das outras Pin Ups. Primeiro porque era gorda ( ou, no politicamente correto (argh), plus size.  Mas ela não tinha atributos apenas físicos, como ser gostosa e ruiva. Ela era divertida, inocente, desajeitada, tímida, pastoril, forte e ativa. Parecia que a Hilda não era humana, que vinha diretamente da imaginação masculina.
Peraí, parecia nada!

27

 

Hilda veio mesmo da imaginação masculina. O seu pintor,  Duane Bryers inventou ela sem o uso de nenhuma modelo.

Na verdade, a sua filha foi usada como modelo no começo, mas ela era absolutamente magra!

26

 

Em uma entrevista com Duane Bryers, ele afirmou que pintar o mantinha jovem. Ele soltava gargalhadas ao telefone e era muito auspicioso, mesmo com seus noventa e um anos de idade.

25

24

 

23

22

2120

19

18

17

16

15

14
O valor de suas 100 melhores pinturas varia em torno de 550.000 dólares! E esta é uma delas.
13
Em muitas pinturas ela aparece lendo ou estudando, um diferencial da imagem caricata da pin up loira burra, que tantas vezes foi encenada por Marylin Monroe. Hilda era simples e despojada, mas não era burra. Ela poderia dobrar muitos intelectuais, mas sua preferência eram leituras de entretenimento.
12
No imaginário masculino as gordas são a preferência, mas as sedentárias são evitadas. Hilda era muito ativa, isso esquenta o coração de um homem.

11

10

09

08

 

Hilda permaneceu sendo vendida durante trinta e seis anos, desde os anos cinquenta até os oitenta, batendo uma marca insuperável

07
Técnica dos quadrinhos: ela mostra cenas que pedem a imaginação do espectador. Em quase todas as figuras vemos uma narrativa que se expande do momento estático e sugere ações no passado e para o futuro. Foi uma maneira que o pintor usou para instigar a imaginação e transformar fruição em participação, chamar para dentro da imagem, sugerir, convidar.

06

 

ico-separa-post

 

duane

Duane Bryers viveu por cem anos, sempre manteve-se com aspecto feliz e na ativa.

Como costuma acontecer com grandes artistas, o seu trabalho só ganhou a reconsideração depois da sua morte, em 2012.

 

 

 

 

 

 

ico-separa-post
Hilda é um desafio à moda atual, que insiste em atribuir uma magreza insalubre como forma de perfeição.  Esta forma inacessível de mulher magra é feita pela indústria, que vive de utopias tão intangíveis quanto a de Hilda, com a diferença de querer fazer com que as mulheres se tornem de fato procuradoras deste ideal, que está nos comerciais ( de refrigerante, inclusive), nas revistas e nas passarelas.  Uma das vítimas mais recentes desse comportamento doentio pela magreza foi a da modelo Ana carolina Reston, que faleceu com 40 quilos e se alimentava de maçã e tomate

FASHION-BRITAIN-PPQ
E nessa foto ainda se achava gordinha

 

Hilda tinha vários aspectos interessantes, mas o principal era sua personalidade, o que nos mostra e ensina que a beleza interior é sim responsável pelo fetiche. Se Hilda fosse uma emburrada sedentária e pudica, suas pinturas seriam apenas bem pintadas, não alcançariam o sucesso que alcançaram.01

 Gostou?

Então ajude o blog, compartilhe esta matéria!

Barrinha de cereais… SEI!

Quando chegaram as barrinhas de cereais, elas foram vendidas como uma alternativa de alimentação industrializada saudável. E isso até hoje não mudou. Será que essas barrinhas fazem mesmo parte de um modelo de vida saudável?

ico-separa-post

 

suécia caminhão 3x4Cansada das mentiras da indústria de alimentos, Francine Lima escreve ha mais de uma década sobre alimentação e nutrição. Já passou pelas editorias mais importantes do Brasil e atualmente ela está fazendo mestrado em nutrição em saúde pública na USP. Ela escreve no blog Uma Equilibrista, de onde veio este vídeo super iconoclasta e de onde cada matéria é uma pérola. Ela aborda a verdade lúcida sobre a indústria de alimentos com uma linguagem simples e honesta. Vale a pena!

 
E se você quiser saber mais sobre barras de cereais, clique aqui.

Programa de TV Argentina ‘Bajada de Línea’ analisa a Globo nos protestos

O programa de TV Argentina Bajada de Línea, do prestigiadíssimo ancora Víctor Hugo analisou o comportamento da Rede Globo durante as manifestações.

Ele diz que na Argentina a coisa não é muito diferente, que o Brasil tem uma liberdade econômica que a esquerda Argentina costuma citar para atacar o governo, já que lá o capital gira com mais dificuldade ( e isso que é um país dolarizado).

Então, os Argentinos não sabem que o Brasil tem esses problemas e ficaram admirados quando explodiu a revolta no Brasil todo. E fez os comparadores calarem-se.

A manipulação midiática é tão grande que os nossos problemas como saúde e educação não eram vistos, estavam “subterrâneos” aos olhos estrangeiros. As manifestações trouxeram a tona o que não aparecia na grande mídia fora daqui (bom, nem na nossa aparece direito).

Víctor Hugo diz que é devido a essas manipulações da Globo que ela é recebida com repulsa pelo povo, onde quer que vá. O Apresentador diz que “a Rede Globo mente“.

 

Dica do Terson Feltrin