Carisma é tudo!

O papa João Paulo segundo foi um dos maiores ícones do século XX. Sua morte mudou o mapa das religiões no mundo para sempre. Papa João Paulo II

 

Carisma é tudo. João Paulo II conseguiu a façanha de silenciar durante todo seu pontificado a pedofilia na Igreja. Não haviam escândalos, pois seu magnetismo era forte. Bem humorado, sua gestão gerou lucros absurdos para o vaticano, principalmente com os feitos da Madre Tereza de Calcutá, uma senhora agnóstica que mais maltratava seus mendigos do que cuidava deles.
Ninguém resistia ao charme do homem que, chegando em um país, se ajoelhava e beijava o seu solo. Quando morreu, seu corpo ficou um tempão sendo velado, o corpo já estava ficando ruim e as pessoas vinham visitá-lo.
No lugar botaram um velho com cara de morcego, parecia o Imperador Palpatime de Star Wars.

George Lucas e os Iluminatti: Ele já sabia!!
George Lucas e os Iluminatti: Ele já sabia!!

 

Sem apelo, o que estava transbordando finalmente transbordou: O mundo inteiro ficou sabendo do abuso aos menores. Só na Europa, os abusos passaram dos milhares!
Uma onda de neo ateísmo surgiu. Eram os “ateus de modinha” como se supunha.
Mas essa “modinha” não passou, como deve passar toda a moda. Ao invés disso, o secularismo tomou proporções gigantes na Europa. Mas em países de terceiro mundo, o efeito foi outro: A Igreja Católica perdeu sua força para outras religiões, como as Evangélicas e o Espiritismo. As religiões africanistas também cresceram, mas estas menos e mesmo assim, com o apoio da Rede Globo, antes católica, agora convenientemente a favor das religiões africanistas, em virtude de que as Evangélicas viraram concorrentes na TV.
Em suma, com a queda de um único ícone, o mundo inteiro passou por mudanças.

O que não faz o carisma…

O que você acha disso?

comentários

Compartilha